GIF Patrocinador

GIF Patrocinador

quinta-feira, 23 de novembro de 2017

SPORT - O FOCO É O FLUMINENSE

Elenco do Sport tenta ignorar jogo do Vitória e matemática para não perder foco contra o Flu

Apesar de hoje o Sport não depender só de si mesmo, os jogadores garantem foco no Fluminense

Atletas sabem da relevância do duelo entre o rubro-negro baiano e a Ponte Preta, mas se concentram em obrigação de vencer Tricolor no Maracanã


Na luta contra o rebaixamento, o Sport visitará o Fluminense no próximo sábado, mas outro jogo da rodada, longe do Maracanã, pode determinar também o futuro do Leão no Brasileiro. Se for derrotado pelo Tricolor Carioca e o Vitória ganhar da Ponte Preta no dia seguinte, no Moisés Lucarelli, o time pernambucano terá sacramentada a queda à Segunda Divisão. Apesar da relevância do confronto do domingo, entre dois concorrentes diretos, os comandados de Daniel Paulista evitam pensar nele. Para não perderem o foco para a partida no Rio de Janeiro, concentram-se apenas na sua própria obrigação.

Ainda que a Ponte Preta esteja também na briga para não cair, um tropeço do Vitória chega a ter peso semelhante ao de um triunfo dos pernambucanos no Maracanã. Caso os baianos sejam derrotados pela Macaca, por exemplo, o Sport seguiria vivo para a rodada final mesmo perdendo do Fluminense - embora para escapar da degola nesse cenário tivesse que vencer o Corinthians, torcer contra os dois concorrentes e ainda tirar uma diferença no saldo de gols para a Ponte (hoje de -14 contra -13) no último jogo. 

A importância do resultado de Ponte Preta x Vitória é inegável. Mas, apesar de hoje o Sport não depender só de si mesmo, os jogadores garantem que estão primeiramente empenhados em desbancar o Fluminense. “Não adianta ‘secar’ e não fazermos a nossa parte. Claro que uma derrota deles (do Vitória) nos ajuda, mas temos que nos preocupar com nosso próximo jogo”, frisou Durval.

Raul Prata segue a mesma linha de raciocínio do veterano zagueiro. Na medida do possível, tenta ignorar o Vitória. “Primeiro, a gente faz a nossa parte. Se não ganharmos os jogos que faltam, não vai adiantar torcer contra”, disse o lateral-direito. “Caso o Vitória vença no domingo e a gente se complique um pouco, lógico que vai ser ruim. Mas primeiro temos que vencer para depois pensarmos nos resultados que possam nos ajudar”, emendou. 

Por sua vez, André não gosta nem mesmo de fazer muitos cálculos pela permanência do Sport na elite. O atacante revela que tem perdido o sono devido ao fantasma do Z4. Porém, prefere se inquietar apenas com o dever que cabe exclusivamente ao seu time. “Essa situação já está tirando o sono faz tempo. Não tem como dormir direito. Não dá nem para olhar a tabela, porque começa a matemática de lá, de cá, ganhar aqui, perder lá. Há outros resultados, mas o sono que a gente perde é de preocupação para fazer um grande jogo.”

Diario de Pernambuco

Nenhum comentário:

Postar um comentário