GIF Patrocinador

GIF Patrocinador

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2019

SANTA CRUZ - ALERTANDO A TODOS

Leston ressalta a necessidade de entrega para confronto contra o Sinop, pela Copa do Brasil

A mudança de regulamento faz com que o risco seja maior do que antigamente', apontou Leston


Treinador coral espera encontrar bastante dificuldade em jogo pela primeira fase do torneio nacional e diz que novo regulamento igualou competição


Passado o Clássico das Emoções contra o Náutico, Leston Júnior e o elenco do Santa Cruz devem virar a chave para a partida do Tricolor do Arruda pela Copa do Brasil. Prioridade da diretoria coral para o primeiro semestre, devido a necessidade de captar novos aportes financeiros para a continuidade da temporada, o treinador ressalta que vai ser necessário fazer uma partida com muita entrega dos jogadores corais para conseguir a classificação, semelhante ao que foi feito contra o Timbu, segundo o comandante. 

“Isso (a entrega) é uma característica que nós temos que ter todos os dias contra qualquer adversário. Temos uma expectativa boa para a sequência como um todo e não apenas para a Copa do Brasil, que é o nosso foco total a partir de agora. Temos que ter em toda a temporada esse nível de comportamento e de entrega, pois no dia que não ganhar ou que perder, o torcedor vai entender e não vai ficar tão frustrado, porque vai ver uma entrega enorme dos jogadores em campo”, apontou o técnico coral.

Leston espera uma partida bastante dura contra o Sinop, clube do estado do Mato Grosso que ocupa a quarta posição do campeonato estadual. Segundo o técnico, a mudança no regulamento, que faz a primeira fase da Copa do Brasil ser disputada em jogo único, aumenta o risco de eliminação na competição nacional.  

“A mudança de regulamento da Copa do Brasil faz com que o risco seja maior do que antigamente. Vou dar o exemplo do CSA, que foi eliminado pelo Mixto-MT e jogando em uma Arena. Então, é diferente do nosso cenário, do cenário do Vasco, que foi jogar lá em Juazeiro-BA. Nós vamos jogar no campo do Sinop, que o Cuiabá, que acabou de subir para a Série B, que tem um orçamento altíssimo, acabou de jogar lá e empatou em 1 a 1, com um gol aos 49 do 2º tempo. Isso, para nós, já é o prenúncio de uma dificuldade muito grande”, comentou Leston.


Diario de Pernambuco

Nenhum comentário:

Postar um comentário