GIF Patrocinador

GIF Patrocinador

sábado, 18 de maio de 2019

CAMPEONATO BRASILEIRO

Virar chave: Santa Cruz busca contra Sampaio Corrêa, no Arruda, primeira vitória na Série C

Equipe ainda não venceu na competição e busca virar chave dentro dos seus domínios (Foto: Jota Santana/Assessoria do Santa Cruz )


Tricolor ainda não venceu na Terceirona. Soma, em três jogos disputados, dois empates e uma derrota


Contra o Sampaio Corrêa, no estádio do Arruda e com a presença do seu torcedor, o Santa Cruz terá a chance de se recuperar na Série C. Vivendo maus bocados na competição, o Tricolor, ainda não venceu. São três partidas disputadas e apenas dois pontos garantidos. Um jogo, portanto, para mudar a chave da equipe que, atualmente, está na zona de rebaixamento do grupo A da Terceirona. O confronto contra a equipe maranhense acontecerá neste sábado, às 17h15. 

Para a partida, o Tricolor terá dois desfalques certos, além do atacante Jô, do meia Patrick Vieira e o do zagueiro Danny Morais. O atacante Dudu ainda se recupera de lesão e o meio de campo Celsinho, recém contratado, vem aprimorando a parte física e ainda não está apto para jogo, já que a última partida que disputou foi no dia 21 de abril. 

Por outro lado, o técnico Leston Júnior contou com os retornos do atacante Pipico, o volante Diego Lorenzi, o lateral-esquerdo Bruno Ré, o lateral-direito Marcos Martins e o meia Everton. Todos os cinco desfalcaram um dos treinos desta semana, mas retornaram aos trabalhos com bola.  

A principal dúvida do comandante tricolor é no meio de campo. Segundo ele, na verdade, é o “calcanhar de Aquiles” para a escalação para o jogo diante da equipe maranhense. “A dúvida que é o nosso calcanhar de Aquiles é ali na frente. Composição de característica em cima do que o jogo vai pedir. Talvez Everton e Misael estejam em uma condição melhor de entrosamento, jogando 90 minutos e fazendo um treino. Espero ter uma condição um pouco melhor dele ( e aí a gente vê algumas situações de composição de meio de campo”, disse. 

Fator Mundão 

Para reverter a má fase, o Tricolor tem como amuleto a força do Mundão do Arruda. Isso porque, os últimos 15 jogos que o Santa Cruz fez dentro dos seus domínios, não soube o que é perder. O Tricolor foi derrotado pela última vez no dia 18 de junho de 2018,  contra o Náutico, pela Série C. Dentro de casa, a equipe soma nove vitórias e seis empates.   

Como vem o Sampaio Corrêa 

Apesar da eliminação contra o Confiança na seletiva da pré-Copa do NE 2020, a Bolívia Querida vem mostrando bons resultados. Na Série C, diferentemente do adversário pernambucano, ainda não perdeu. Nas três partidas disputadas, venceu duas e empatou uma. Na classificação com sete pontos, disputa a liderança do grupo A com o Ferroviário. 

Com um jogo importantíssimo pela frente já nesta quarta-feira, contra o Palmeiras, pelas oitavas de final da Copa do Brasil, o Sampaio Corrêa, entretanto, virá ao Recife com força máxima. Informação garantida pelo treinador da equipe, o técnico Julinho Camargo. 

Ficha do jogo 

Santa Cruz

Anderson; Marcos Martins, João Victor, William Alves e Carlos Renato (Bruno Ré); Charles, Diego Lorenzi e Everton; Misael, Augusto e Pipico. Técnico: Leston Júnior

Sampaio Corrêa 

Andrey; Everton, Douglas Assis (Vítor Bafana), Moisés e Patric Calmon; Diones, Eloir, Dedé (Felipe Dias), Cleitinho e João Paulo; Salatiel Júnior. Técnico: Julinho Camargo 

Local: Estádio do Arruda
Horário: 17h15
Árbitros: Alinor Silva da Paixão (MT)
Árbitros assistentes: Fábio Rodrigo e Renan Antonio Angelim Rodrigues (MT)
Ingressos: Arquibancada inferior escudo (Público geral: R$ 20), Arquibancada inferior atrás da barra (Público geral: R$ 15)

Nenhum comentário:

Postar um comentário