GIF Patrocinador

GIF Patrocinador

sexta-feira, 13 de setembro de 2019

LATAM MULTADA

Latam é multada em R$ 500 mil por impedir embarque de autista
Uli conseguiu embarcar hoje do Recife para Fortaleza em voo da Latam. Crédito: Mariana Fabrício/DP


Uli Firmino, 26 anos, embarcou hoje às 11h55 em um voo do Recife para Fortaleza. No último sábado ela havia sido impedida de embarcar pela companhia aérea Latam. Uli tem a síndrome de Asperger, um Transtorno do Espectro Autista (TEA) e mesmo após mostra um laudo que comprovava a capacidade dela desenvolver atividades sozinha, não conseguiu embarcar. A companhia aérea foi multada, ontem, pelo Procon no valor de R$ 500 mil.
 A auxiliar de veterinária e estudante de música, prestou queixa junto à Delegacia do Turista no Aeroporto Internacional dos Guararapes e no Procon. A notícia de a Latam havia impedido o embarque da passageira autista repercutiu nas redes sociais e na imprensa. “É uma vitória de nós todos”, contou Uli, antes de embarcar na mesma companhia aérea.
 O problema só veio à tona porque a passageira, que tem sensibilidade auditiva pediu para trocar de assento devido à proximidade da turbina do avião. Outra dificuldade era o fato do assento ter ficado entre duas pessoas e ela prefere no corredor. Por não ter conseguido embarcar, ela acabou não fazendo uma cirurgia, que estava prevista.
 A empresa informou por meio de nota que “se sensibiliza com o ocorrido e informa que se manteve mobilizada para o embarque da passageira”, mas que “seus procedimentos estão de acordo com as regras vigentes do setor e têm como objetivo resguardar o bem-estar e a saúde do passageiro a bordo”. Ainda segundo a nota, “não houve nenhum tipo de discriminação no atendimento à passageira e que qualquer prática ofensiva não reflete os valores da empresa”.

DP

Nenhum comentário:

Postar um comentário