GIF Patrocinador

GIF Patrocinador

quinta-feira, 19 de setembro de 2019

SPORT - META DE GOLS

Hernane faz balanço de temporada no Sport e revela que tem meta de 30 gols em 2019

'Esse ano eu pretendo fazer 30. Sei que faltam 11 gols, mas ainda temos 16 partidas', disse. (Foto: Anderson Stevens/Sport)


Atacante se aproxima dos números de seu segundo melhor ano como profissional, quando marcou 21 gols com a camisa do Bahia, em 2016


Bastante criticado em seu retorno à Ilha do Retiro no ano passado, Hernane Brocador têm vivido ano de sonho no comando de ataque do Sport em 2019. Diferente dos apenas dois gols feitos em 16 jogos realizados em 2018, na atual temporada, o centroavante foi goleador máximo do Campeonato Pernambucano, com nove gols e briga pela artilharia da Série B, com apenas um gol atrás de Rodrigão, que lidera a tabela dos marcadores com 11 tentos feitos.  

Com 19 gols marcados em 33 partidas pelo Leão em 2019, o centroavante está próximo de igualar os números de sua temporada 2016, a sua segunda melhor como jogador profissional, quando marcou 21 vezes em 46 jogos com a camisa do Bahia. Hernane revelou ainda que possui uma meta ousada para 2019. O atacante quer chegar aos 30 gols com a camisa do Leão até o fim da Série B. 

“Tenho 19 gols na temporada e estou a dois de alcançar a minha meta de 2016, que eram 21. Esse ano eu pretendo fazer 30. Sei que faltam 11 gols, mas ainda temos 16 partidas. Meus companheiros estão dispostos a me ajudar e eu fico feliz com isso. Espero que possamos conquistar o acesso, os gols vão ser consequência. Com o acesso e alcançando a meta, eu estarei realizado”, contou o Brocador. 

O melhor ano do atacante em sua carreira foi 2013, quando vestia a camisa do Flamengo e marcou 36 vezes em 58 partidas, uma média de 0,62 gol/jogo. Em 2019, o atacante possui números um pouco inferiores, com 0,57 gol/partida. Apesar disso, o jogador minimiza a briga pela artilharia, coloca o acesso do Leão como seu principal objetivo em 2019 e valoriza o apoio do companheiros de time. 

“Acho que a artilharia é consequência. Eu venho trabalhando e ajudando a minha equipe fazendo os gols e já estou a um de distância do Rodrigão. Acho que só quem tem a ganhar com isso é o Sport, pois quando o centroavante está brigando por artilharia, normalmente, as vitórias estão saindo. Eu tenho a minha meta e meus companheiros vêm me ajudando diariamente.”

DP

Nenhum comentário:

Postar um comentário