GIF Patrocinador

GIF Patrocinador

domingo, 16 de julho de 2023

CAMPEONATO BRASILEIRO

Náutico vence o Figueirense nos Aflitos e se torna melhor mandante da Série C

Victor Ferraz marcou um dos gols da vitória do Timbu (Foto: Tiago Caldas/CNC)


Com a vitória, o Timbu ganha "gordura" na competição e assume a quarta colocação


Com gols de Victor Ferraz e Jean Mangabeira, o Náutico venceu o Figueirense por 2 x 1 na tarde deste sábado (15). O Timbu conseguiu ser dominante nos primeiros 45 minutos e terminou a etapa inicial vencendo por dois gols de diferença, mas viu o Figueirense diminuir aos 13 minutos do segundo tempo, com gol de Gustavo França.

A vitória levou o Alvirrubro para a quarta colocação da Série C do Brasileiro. Atual melhor mandante da competição, o Náutico volta a campo no próximo domingo (23), às 19h, para enfrentar o Remo no estádio dos Aflitos. Os visitantes, por outro lado, permanecem sendo os primeiros fora do G-8, mas devem cair na tabela com os demais resultados ao fim da rodada.


O JOGO

Diante de sua torcida, o Timbu começou ditando o ritmo do jogo. Aos 3 minutos, Eduardo imprimiu a primeira chegada do time da casa após receber na entrada da área e finalizar por cima da meta de Wilson. Dominante, o Náutico controlava as ações ofensivas, mas esbarrava em suas próprias limitações. O Figueirense até tentava aproveitar os erros de passe da equipe mandante, mas tinha seus contra-ataques desarmados pela bem postada defesa alvirrubra. A primeira chegada dos visitantes veio somente aos 19 minutos, na cobrança de falta de Barba, que mandou para as mãos do goleiro Vágner.

O jogo seguiu sob domínio alvirrubro, quando aos 29 minutos, Gabriel Santiago mandou um cruzamento açucarado para Victor Ferraz cabecear e abrir o placar no estádio dos Aflitos. Mesmo após abrir o marcador, o Timbu continou no controle da partida. Aos 38, Jean Mangabeira recebeu na entrada da área fez boa jogada em cima de Eduardo Rosado e bateu forte para a meta de Wilson para o delírio da torcida alvirrubra. Três minutos depois, o Figueirense tentou diminuir a desvantagem no placar em boa jogada de Elias, que limpou e finalizou no canto, mas a bola parou em grande defesa de Vágner. 

Para a segunda etapa, o técnico Paulo Baier retornou com a entrada de Cesinha na vaga do amarelado Otávio Gut. Logo depois, Dudu e Renan Bernabé deram lugar aos atacantes Gustavo França e Bruno Moraes. No lado alvirrubro, Fernando Marchiori optou pelas entradas de Bryan e Danilo Cardoso nos lugares de Denilson e Berguinho. 

As mudanças no Alvinegro surtiram efeito imediato e, aos 13 minutos, Bruno Moraes finalizou forte e Gustavo França pegou o rebote de Vágner, marcando o primeiro do Figueirense e diminuido a diferença no marcador. O gol deixou o jogo disputado, com o Náutico tentando impor domínio e o Figueira explorando os erros alvirrubros para tentar o empate, no entanto, as equipes esbarravam na dificuldade em criar lances de perigo. O final do jogo foi dos catarinenses, que em várias oportunidades ofereceram perigo à meta alvirrubra, mas a defesa do Timbu soube sofrer, resistiu às investidas alvinegras e o resultado se manteve no placar até o apito final.

FICHA DA PARTIDA
Náutico
Vágner; Victor Ferraz (Diego Ferreira), Denilson (Bryan), Odivan e Rennan Siqueira; Jean Mangabeira, Eduardo e Gabriel Santiago (Elton); Berguinho (Danilo Cardoso), Jeam (Thiaguinho) e Paul Villero. Técnico: Fernando Marchiori

Figueirense
Wilson; Elias, Otávio Gut (Cesinha), Eduardo Rosado e Raí (Vinicius Nucci); Robson Alemão, Barb e Gledson; Andrew (Nicolas), Dudu (Gustavo França) e Renan Bernabé (Bruno Moraes). Técnico: Paulo Baier

Estádio: Estádio dos Aflitos
Horário: 16h30
Árbitro: Antônio Dib Morais de Sousa (PI)
Assistentes: Mauro Cezar Evangelista de Souza e Rogério de Oliveira Braga (ambos do PI)
Cartões Amarelos: Paul Villero e Thiaguinho (NAU); Otávio Gut, Andrew e Gledson (FIG)
Gols: Victor Ferraz, aos 29/1T e Jean Mangabeira, aos 38/1T (NAU); Gustavo França, aos 13/2T
Público: 8.818
Renda: R$ 176.714,00

DP

Nenhum comentário:

Postar um comentário