GIF Patrocinador

GIF Patrocinador

segunda-feira, 21 de agosto de 2023

EDUCAÇÃO

Olimpíada de Matemática do Recife: projeto premiará alunos da rede municipal com viagem aos EUA

Prefeito do Recife, João Campos - Foto: Clarice Melo / Folha de Pernambuco


O evento contou com a presença do prefeito da capital, João Campos, e da Deputada Federal, Tabata Amaral



Prefeitura do Recife lançou, na manhã desta segunda-feira (21), a Olimpíada de Matemática do Recife (OMR), para a Rede Municipal de Ensino, que promete premiar os estudantes com as maiores notas com medalhas e viagem à Orlando, nos Estados Unidos, para visitar pontos da cidade, como a Disney e a sede da Nasa.

O evento de lançamento ocorreu na Escola Municipal Karla Patrícia, em Boa ViagemZona Sul do Recife, e contou a presença do prefeito da capital, João Campos (PSB), da Deputada Federal, Tabata Amaral (PSB), e do secretário de Educação, Fred Amâncio.

4"A Olimpíada é uma grande oportunidade para os nossos estudantes da rede pública e municipal do Recife se desenvolverem. Os candidatos serão divididos em duas categorias, do 6° ao 7° ano, e uma outra para o 8° ao 9° ano", explicou o secretário de Educação.

As provas serão aplicadas em duas fases. Na primeira, que contará com 20 questões de múltipla-escolha, cada uma das 42 escolas municipais do Recife dos últimos anos de ensino fundamental irá eleger os três melhores colocados, que conquistaram as medalhas de ouro, bronze e prata de cada uma das duas categorias.

Na segunda fase, cada medalhista de ouro fará uma prova objetiva, mais detalhada, com um nível técnico um pouco mais elevado. Por fim, os três alunos com as maiores notas em suas respectivas modalidades serão premiados.

"Como premiação, a Prefeitura do Recife irá bancar a viagem desses três alunos, além dos seus dois professores, com uma viagem para Orlando, nos Estados Unidos, para realizarem um intercâmbio com visitas à DisneyNASA e outros grandes pontos", reiterou Fred Amâncio.

As inscrições ocorrem entre esta segunda (21) e o dia 1° de setembro, e deverá ser realizada internamente, pela própria escola contemplada.

Papel da educação para os jovens

O objetivo do projeto, conforme revelado no lançamento, é proporcionar novas oportunidades para alunos de baixa renda do Recife, sendo contemplados os estudantes da Rede Municipal de Ensino.

"Nós estamos implementando esse projeto porque queremos que esses alunos possam sonhar com coisas maiores, para viverem em outras condições. Vamos proporcionar novas chances para essas crianças através da educação, que mudou a minha vida e pode mudar a de todas as pessoas",  começou o Prefeito do Recife, João Campos.

"A Olimpíada de Matemática do Recife  nasce sob os moldes da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas, OBEMEP, implementada pelo meu pai, Eduardo Campos, e o Presidente Lula, com o objetivo de trazer esses jovens para o âmbito da educação e não saírem mais. A viagem para Orlando é apenas um pequeno lembrete de que essas crianças podem sonhar e conquistar de tudo", completou.

Presente no evento, Tabata Amaral também ressaltou a importância do programa para a mudança de vida desses jovens, já que ela também teve a educação como um ponto-chave para mudança na sua vida.

"Eu sou filha de nordestinos e cresci em uma periferia de São Paulo, sem muitas perspectivas. Ninguém falava comigo sobre fazer faculdade ou algo assim. Tudo mudou a partir da minha primeira OBEMEP, quando conquistei uma medalha de bronze. Daí para a frente, estudei cada vez mais e pude fazer mais 40 olimpíadas, que me qualificaram e mudaram minha vida", iniciou a Deputada Federal.

"Se hoje sou deputada, é por conta do papel transformatório da educação na minha vida, e vocês, estudantes, podem viver o mesmo. Este programa é importante para que vocês possam alçar voos mais altos e sonharem com coisas ainda mais grandiosas", finalizou Tabata, em discurso emocionado, para os alunos presentes no evento.

Expectativa alta pela Olimpíada

No local, estavam presentes dezenas de estudantes de diferentes escolas da rede municipal do Recife. Um deles era Luis Fellipe, de 14 anos, que revelou estar com a expectativa lá em cima para participar da Olimpíada.

"Eu acho que uma oportunidade dessas é muito importante para nós. Acho que sou bom em matemática e vou participar da Olimpíada com confiança, porque na minha cabeça eu tenho que ser o melhor", afirmou.

 Além dos três alunos melhores colocados de cada categoria, serão selecionados dois professores e mais um gestor escolar, que será determinado a partir da instituição que contar com maior número de estudantes inscritos na OMR. Os vencedores devem ser definidos até o fim deste ano e a viagem está marcada para 2024.


Por Genivaldo Henrique

Nenhum comentário:

Postar um comentário