GIF Patrocinador

GIF Patrocinador

quinta-feira, 3 de agosto de 2023

VIOLÊNCIA

Cabo da PM que espancou e matou companheira em Carpina se entrega à policia

Simeia da Silva Nunes tinha 33 anos e estava cursando administração;                                                                                                                                                                              ela trabalhava como promotora de vendas - Foto: Arquivo pessoal


Jáleson de Santana Freitas pertence ao 24º Batalhão da PM, mas estava lotado na Academia da Polícia Militar do Paudalho



O cabo da Polícia Militar de Pernambuco (PMPE) Jáleson de Santana Freitas se entregou à Polícia Civil de Pernambuco (PCPE), nesta quarta-feira (2), na Delegacia de Carpina. Na última segunda-feira (31), um mandado de prisão temporária contra ele havia sido aberto pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE).

O homem estava na companhia da namorada, a promotora de vendas e estudante de Administração Simeia da Silva Nunes, de 33 anos, no Bar do Toni, em Carpina, quando ele a agrediu. Depois, a mulher conversava com um mototaxista para deixar o local, quando o policial atirou contra os dois com arma de fogo. Ela morreu em decorrência dos disparos. O mototaxista, identificado como Marcelo Batista, precisou ser hospitalizado com ferimentos na coxa e no braço.

Jáleson de Santana Freitas pertence ao efetivo do 24º Batalhão da Polícia Militar de Pernambuco (PMPE), mas estava lotado na Academia da Polícia Militar do Paudalho (APMP). 

Em 2022, ele já havia sido condenado a quatro anos de detenção pelo assassinato de um outro homem, durante uma abordagem policial, em Santa Maria do Cambucá, no Agreste.

Nenhum comentário:

Postar um comentário