GIF Patrocinador

GIF Patrocinador

domingo, 17 de setembro de 2023

CAMPEÃO DA SÉRIE D

Ferroviário-CE derrota a Ferroviária e é campeão invicto da Série D 2023 do Brasileiro

Jogadores do Ferroviário comemoram gol do título com mascote do clube,                                                                                                                                                                        o 'Tubarão da Barra' - Foto: Lenílson Santos/Ferroviário


Com o resultado, o 'Tubarão da Barra' chega ao seu segundo título da Quarta Divisão



Ferroviário-CE entrou em campo neste sábado (16), pelo jogo de volta das finais da Série D do Campeonato Brasileiro e, em partida cheia de emoções, venceu a Ferroviária-SP por 2 a 1 e se sagrou como o bicampeão do torneio em campanha invicta.

Ferrão começou o jogo muito bem. Logo aos dois minutos de partida, após saída de bola ruim da Ferroviária, Ciel saiu cara a cara com o goleiro Saulo, que rebateu a bola para os pés de Andrey, que abriu o placar da partida. A Locomotiva só viria a reagir 38 do primeiro tempo com golaço de Victor Barreto, em chute colocado no ângulo.

No segundo tempo, no entanto, foi a vez da estrela do artilheiro Ciel brilhar novamente. Como um centroavante clássico, o camisa 99, com todo seu faro de gol, aproveitou bom cruzamento e cabeceou para marcar mais um pelo time, seu 12° nesta Série D - e 23° na temporada.

Confira, abaixo, o gol do artilheiro Ciel que rendeu o título da Série D ao Ferroviário.

A partir daí, apesar do clima tenso que toda final reserva, o placar seguiu em 2 a 1, para a alegria da torcida do Ferroviário, que agora pode comemorar o bicampeonato da Série D da equipe e o acesso histórico à Série C. A equipe já havia conquistado o torneio em 2018, mas, desta vez, conseguiu fazer uma campanha invicta, com 15 vitórias e nove empates em 24 jogos.

Já a Ferroviária lamenta a derrota, mas celebra a vaga na próxima edição da Terceira Divisão, ao lado de Athletic-MG e Caxias-RS, eliminados na semifinal, mas classificados na competição.

Por Genivaldo Henrique

Nenhum comentário:

Postar um comentário