GIF Patrocinador

GIF Patrocinador

quinta-feira, 14 de setembro de 2023

SANTA CRUZ - DIFÍCIL CONCILIAÇÃO

Bartolomeu Bueno não acredita em conciliação entre Executivo e Deliberativo do Santa Cruz

Bartolomeu Bueno destacou que o impasse prejudica a Recuperação Judicial e a SAF (Foto: Reprodução)


Presidente de Honra do Santa Cruz, Bartolomeu Bueno considera difícil que os membros do Executivo e Deliberativo consigam entrar em acordo


Na busca por uma solução amigável para o conflito no Santa Cruz, foram realizadas nas últimas semanas reuniões com os representantes do poder Executivo e do Conselho Deliberativo. O objetivo destas audiências de conciliação é chegar a um acordo negociado que seja satisfatório para ambas as partes. Apesar dos avanços em relação à criação de uma comissão permanente de apoio à criação da Sociedade Anônima do Futebol (SAF). 

Os membros não estão chegando ao denominador comum quando se trata sobre antecipação das eleições. Em entrevista à Rádio Clube, o presidente de Honra do Conselho Deliberativo e desembargador, Bartolomeu Bueno, destacou que o impasse prejudica a Recuperação Judicial e a SAF. Afirmou ainda que considerava difícil que as partes aceitem acordo.

“Eu pessoalmente acho difícil, eu acho que está faltando um pouco de bom senso, de ambas as partes, para fazerem um acordo. O único prejudicado, infelizmente, é só o nosso Santa Cruz. Isso dificulta muito a Recuperação Judicial para o juÍz fazer a homologação. Porque os próprios credores, não sei se aprovarão o plano de recuperação, para que o juiz homologue, por causa dessa instabilidade política e jurídica hoje do Santa Cruz", disse o desembargador.
 
"E a SAF também me parece que fica comprometida. Porque nenhum investidor do mundo vai entrar numa empresa ou numa associação onde há essa estabilidade. Não tem confiança no futuro desta associação, porque os investidores chegam e querem saber “quanto deve?”, “há quem deve?” e  “quanto deve pagar?. Eu estou achando cada dia mais difícil essa conciliação entre o Executivo e o Conselho”, completou.

Apesar de não ter o intuito de interferir no processo, Bartolomeu Bueno declarou que não é comum que haja três audiências de conciliação. Ele considera que o desembargador do caso, Silvio Neves Baptista Filho, segue na esperança que o Executivo e o Conselho consigam uma solução amigável para o conflito.“Não é muito comum ter três rodadas de negociação em uma conciliação, quando faço as minhas é uma audiência, tento convencer as partes para entrar num acordo, pra fazer a conciliação que é melhor para ambas as partes. Se não entrarem em acordo, eu declaro isso no termo de audiência e vou decidir para um lado ou para o outro. O desembargador Silvio Neves Baptista deve estar ainda vendo a luz do fundo do túnel. Pode ser que ele ache que fazendo essa terceira rodada de negociação cheguem a algum acordo”, finalizou.
 
Entenda o conflito entre Executivo e Deliberativo:
 
A negociação com investidores interessados em adquirir a SAF do Futebol tricolor tem sido o foco principal do atual presidente Antônio Luiz Neto, cujo mandato se encerra no fim deste ano. Já o Conselho Deliberativo quer a renúncia do mandatário e, consequentemete, a convocação das eleições. O pleito está marcado para o dia 3 de dezembro. Vale a pena ressaltar que, no dia 4 de setembro, o Conselho Deliberativo instaurou processo disciplinar contra Antônio Luiz Neto, inclusive com o pedido de afastamento imediato do gestor por 90 dias. A solicitação foi baseada em acusações de gestão temerária, atrasos salariais e saída de atletas, afirmações negadas pelo atual presidente 


Paulo Mota


Nenhum comentário:

Postar um comentário