GIF Patrocinador

GIF Patrocinador

terça-feira, 23 de janeiro de 2024

CAMPEONATO PERNAMBUCANO

Federação Pernambucana de Futebol determina torcida única nos clássicos

Muitas brigas foram registradas no clássico entre Sport e Santa Cruz (Foto: Reprodução Redes Sociais )


Decisão foi motivada pelo vandalismo proporcionado pelas organizadas de Sport e Santa Cruz no clássico do último sábado (20)


O primeiro clássico do Campeonato Pernambucano 2024 foi vencido pelo Sport, que fez 2 a 1 no Santa Cruz no último sábado (20) na Arena de Pernambuco. Mas fora de campo o futebol perdeu mais uma vez para a violência das torcidas organizadas, que promoveram brigas e confusões em vários pontos da Região Metropolitana do Recife.

Como resposta, a Federação Pernambucana de Futebol (FPF) baixou, na noite desta segunda (22), um ato determinando que todos os clássicos até o fim da competição serão disputados com torcida única, no caso, a do time mandante. A medida já vale para o Clássico das Emoções de sábado (27) entre Santa Cruz x Náutico, marcado para o Arruda, que segue interditado.

Da mesma maneira, Náutico x Sport nos Aflitos, pela 9ª rodada, também terá apenas a presença de alvirrubros. O cenário se repete nos clássicos que acontecerem a partir da 2ª fase até as finais. A medida já tinha sido adotada pela FPF no ano passado. A entidade também citou que segue o exemplo de São Paulo, que já utiliza o modelo há seis anos. 
 RETRATOS DA VIOLÊNCIA  

Também nesta segunda-feira (22), a Polícia Militar de Pernambuco (PMPE) concedeu entrevista coletiva de imprensa no Quartel do Comando Geral, no bairro do Derby. Em pauta a prestação de contas das ações realizadas pelas corporações durante o Clássico das Multidões.

Segundo o Coronel Amílcar Botelho da Silva, diretor da Diretoria Integrada Especializada (DIRESP), responsável pelas operações envolvendo partidas de futebol no estado, 36 pessoas foram detidas. “Seis delas foram presas em flagrante por terem passagem por homicídio, tráfico de drogas, roubo e furto”, afirmou o Coronel Amílcar. Com os criminosos foram apreendidos materiais ilícitos, como drogas, granadas de fabricação caseira, fogos de artifício, soqueiras, além de diversos celulares com queixa de roubo.

As ações foram registradas em quatro municípios da Região Metropolitana: Recife, Olinda, Paulista e Jaboatão dos Guararapes.  Uma das “praças de guerra” foi na rodovia PE-15, entre Paulista e Olinda. Vídeos que circularam nas redes sociais registraram conflitos entre membros das duas facções. As imagens mostram o momento em que um ônibus é interceptado pelas uniformizadas. Nem mesmo a presença de policiais militares intimidaram os vândalos.  Em Camaragibe, um boneco com a camisa do Sport foi amarrado em uma rede de fiação por torcedores tricolores, em provocação aos rubro-negros. Na Avenida Norte, no terminal do metrô de Joana Bezerra e no bairro do Ibura, também foram registrados confrontos diretos entre torcedores rivais, mas todas as confusões foram controladas pela PM. 

Ainda foram registradas quatro tentativas de homicídio, uma delas envolvendo um sargento do 17° Batalhão da Polícia Militar, em Paulista. Ele estava num grupo de escolta, quando foi surpreendido por disparos de armas de fogo e acabou sendo atingido no braço. O PM passou por cirurgia e passa bem. Além dele, outros três homens também foram baleados, um deles com passagem pela polícia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário