GIF Patrocinador

GIF Patrocinador

sexta-feira, 12 de janeiro de 2024

MEIO AMBIENTE

Prefeitura do Recife desmonta viveiros ilegais de camarão; 1,5 mil mudas são plantadas no local

Ação foi realizada pela gestão municipal nesta quinta-feira (11)                                                                                                                                                                                       - Foto: Prefeitura do Recife/Divulgação


Ação foi realizada em conjunto com a Marinha do Brasil, Ministério Público de Pernambuco, Brigada Ambiental e a Emlurb



Uma ação realizada pela Prefeitura do Recife na manhã desta quinta-feira (11) resultou na desativação de três viveiros clandestinos de camarão que estavam instalados nas proximidades do Parque dos Manguezais, localizado na Zona Sul da capital pernambucana.

A intervenção foi efetuada em conjunto com a Marinha do Brasil, Ministério Público de Pernambuco, Brigada Ambiental e a Emlurb. A criação irregular do crustáceo é considerada um crime ambiental por conta da obstrução do curso natural das águas, que também afeta a drenagem da cidade.

Para restabelecer a harmonia da natureza no local, os taludes e comportas utilizados para represar a água nos criatórios foram retirados. Além disso, 1,5 mil mudas foram plantadas no mangue.

A ação foi realizada por meio de uma parceria entre o poder público e a sociedade civil, representada pela Associação de Pescadores e Aquicultores das Comunidades Tradicionais do Recife (APA) e o Recapibaribe.

Três das quatro espécies da flora encontradas no manguezal pernambucano foram utilizadas no plantio. São elas: mangue branco (Laguncularia racemosa), mangue vermelho (Rhizophora mangle) e o  mangue preto (avicennia schaueriana)

A partir de agora, a prefeitura assegura que uma equipe da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade do município ficará responsável pelo monitoramento do plantio.  

Os manguezais são usados como berçários pela maioria das espécies da vida marinha. Se não tem mangue, não tem pesca, e muitas pessoas sobrevivem disso, por isso precisamos manter os manguezais vivos", afirmou o secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Oscar Barreto.


Por Portal Folha de Pernambuco

Nenhum comentário:

Postar um comentário