GIF Patrocinador

GIF Patrocinador

domingo, 18 de fevereiro de 2024

NÁUTICO - QUER A VITÓRIA

Vagner prega vitória diante do Retrô para dar mais descanso no mata-mata do Estadual

Vagner, goleiro do Náutico - Foto: Gabriel França/CNC


Em caso de triunfo, Timbu pode selar a classificação direta para as semifinais da competição



Uma vitória do Náutico diante do Retrô, neste domingo (18), na Arena de Pernambuco, pela penúltima rodada do Campeonato Pernambucano, vale mais do que os tradicionais três pontos. O triunfo pode assegurar a ida do Timbu diretamente para as semifinais da competição, pulando as quartas de final e dando um descanso a mais na maratona de jogos da equipe na temporada.

“Cada jogo, seja Copa do Nordeste ou no Campeonato Pernambucano, é uma decisão. Consideramos esse o mais importante do ano, carimbando a classificação à próxima fase e tirando mais uma partida do calendário. Com essa sequência, poder descansar uma rodada será de extrema importância. Será um jogo difícil, na casa do adversário, que é uma grande equipe. Temos também um grande time e podemos trazer a vitória”, afirmou o goleiro Vagner.

O cálculo para se manter próximo ao topo é simples. Caso vença, o Náutico, vice-líder com 17 pontos, iria para 20 pontos, não podendo ser ultrapassado pelo Retrô, atualmente em terceiro, com 14 pontos, e pelo Santa Cruz, em quarto, com 13. A classificação também faria o Timbu garantir lugar na Copa do Brasil em 2025, algo que fez falta neste ano, já que os alvirrubros foram eliminados no ano passado pelo Salgueiro, nas quartas de final do Estadual, ficando fora do mata-mata nacional em 2024.

Terminar em segundo também garante ao Náutico a vantagem de decidir o segundo jogo da semifinal em casa. Timbu e Fênix têm campanhas praticamente idênticas no Pernambucano. O mesmo número de gols marcados (11) e sofridos (3), com a diferença de que os alvirrubros possuem uma vitória a mais e, diferente do time de Camaragibe, está invicto na competição.

Melhorar a pontaria

Diante do Ceará, na partida passada, pela Copa do Nordeste, o Náutico abusou de perder gols e saiu apenas com um empate em 0x0. Melhorar o desempenho ofensivo também é o foco dos alvirrubros perante o Retrô.

“O mais difícil no futebol é criar. Isso nós estamos fazendo, mas estamos pecando na finalização, na hora de fazer o gol. Estamos trabalhando, o professor tem cobrado bastante também. Na hora certa, as vitórias vão acontecer”, declarou. 

Por William Tavares

Nenhum comentário:

Postar um comentário