GIF Patrocinador

GIF Patrocinador

quinta-feira, 15 de fevereiro de 2024

SPORT - NÚMEROS POSITIVOS

Sport tem melhor início de temporada desde o ano que jogou a Libertadores; confira os números

O técnico argentino Mariano Soso faz no Sport o seu primeiro trabalho no futebol brasileiro (Foto: PAULO PAIVA/SPORT)


Sob o comando de Mariano Soso, Leão venceu oito das suas 10 primeiras partidas em 2024, ficando atrás apenas de 2009, quando teve nove triunfos


O início de temporada do Sport vem sendo histórico sob o comando do técnico Mariano Soso. De 10 partidas disputadas em 2024, o Leão venceu oito partidas e perdeu apenas duas (Retrô e Bahia), rendendo um aproveitamento de 80% até o momento.

Apesar de ter igualado a mesma porcentagem de 2023 e 2017, os rubro-negros têm uma vitória a mais do que o mesmo período nestes dois anos. Para se ter ideia, os números só são inferiores a quando o clube disputou a Copa Libertadores da América, em 2009. Na ocasião, foram nove vitórias e um empate, na melhor arrancada da equipe na sua história.

Os meios para este feito memorável, no entanto, ainda não respaldam os fins alcançados. Ao contrário do que o retrospecto positivo atual possa indicar, o Sport de Mariano Soso ainda busca a sua identidade. Para implementar uma filosofia mais moderna, o argentino sacrificou a tradicional ideia de time titular fixo, dando lugar a uma complexa rotação de elenco, sempre incrementada com joias da base.

"A escalação sempre vai estar vinculado com o rendimento que eu posso observar em cada treino, mas também pela demanda e a exigência de cada jogo, além da característica e do perfil do adversário. Mas a força deste projeto esportivo se encontra no coletivo e no modelo de jogo, independentemente de quem execute o modelo", justificou o treinador após a vitória contra o Treze-PB, no início de fevereiro.

Apesar do pouco tempo de trabalho, Soso acredita que suas filosofias de jogo já estão sendo entendidas pelo grupo, o que vem resultando numa sequência de boas apresentações. Se consideramos o recorte dos cinco últimos jogos, apesar da derrota no clássico regional contra o Bahia, o Sport marcou 13 gols nos últimos cinco jogos e sofreu apenas quatro.

"Nós mudamos a estrutura de jogo, mas os jogadores dão uma resposta coletiva que. Todas essas mudanças que eu faço, eu busco sempre relacionar com minutagem e rendimento. Eu olho muito o rendimento do jogador, mas sempre avalio que o coletivo está acima de qualquer um", avaliou o treinador após a vitória de virada por 2x1 contra o Itabaiana, pela Copa do Nordeste, esta quarta-feira (15). 

RETROSPECTO DO SPORT NOS 10 PRIMEIROS JOGOS DESDE 2009:

  • 2009: 93% (9V, 1E e 0D)
  • 2010: 73% (6v, 4E e 0D)
  • 2011: 47% (4V, 2E e 4D)
  • 2012: 67% (6V, 2E e 2D)
  • 2013: 57% (4V, 5E e 1D)
  • 2014: 60% (5V, 3E e 2D)
  • 2015: 73% (7V, 1E e 2D)
  • 2016: 60% (5V, 3E e 2D)
  • 2017: 80% (7V, 3E e 0D)
  • 2018: 63% (5V, 4E e 1D)
  • 2019: 70% (7V, 0E e 3D)
  • 2020: 40% (2V, 6E e 2D)
  • 2021: 43% (4V, 1E e 5D)
  • 2022: 53% (4V, 4E e 2D)
  • 2023: 80% (7V, 3E e 0D)
  • 2024: 80% (8V, 0E e 2D)

Nenhum comentário:

Postar um comentário