GIF Patrocinador

GIF Patrocinador

terça-feira, 7 de maio de 2024

NÁUTICO - APRESENTADO OFICIALMENTE

Novo reforço, Andrey afasta desconfiança sobre condição física e espera somar no Náutico

Andrey, novo reforço do Náutico - Foto: Reprodução / Youtube



Meia chega do Avaí por empréstimo de um ano ao Timbu



Oficializado na última segunda-feira (6) como novo jogador do Náutico, o meia Andrey foi apresentado nesta terça (7), no CT Wilson Campos. Em sua apresentação, o jogador fez questão de afastar a desconfiança a respeito da sua condição física - o atleta não joga uma partida desde fevereiro - e disse que espera somar no clube, ajudando com o acesso à Série B

"Eu sempre procurei trabalhar, independente se minha situação era de titular, reserva, se não estava sendo relacionado. Então, acho que isso não vai influenciar em tanta coisa, até porque sábado (4) o professor fez um coletivo bem importante para todos nós da equipe. Se a gente buscar trabalhar todos os dias, com certeza a gente vai estar apto para jogar. Já conversei com o professor Mazola, a gente já está se alinhando. Essa semana anterior também foi bem importante, por não ter jogo. Foi uma semana que a gente pôde trabalhar bastante, que a gente pôde desempenhar dentro do esquema tático do professor e estamos prontos para o próximo jogo", disse.

"Meus objetivos aqui são claros. Sem dúvidas alguma, vim aqui para somar, para agregar em muitas coisas e buscar o objetivo principal do clube, que é a gente voltar à Série B, ter esse acesso tão esperado pelo torcedor", completou.

Andrey também confessou que o atual diretor técnico de futebol do Náutico, Betão, com quem já atuou junto no Avaí, foi importante para a sua vinda ao clube.

"A gente jogou junto, né? Peguei o finalzinho dele ainda. E essa foi uma conversa bem importante também. Me apresentou o projeto, me mostrou como estava a situação aqui do clube e no mesmo momento que a gente teve essa conversa, eu já estava alegre, ainda mais porque eu fiquei sabendo qual que era a situação real do clube. Fiquei muito feliz e, no mesmo momento, já conversei com meus agentes para a gente poder estar aqui junto com o pessoal", confessou. 

Por último, Andrey também falou sobre as fortes chuvas que vêm atingindo ao Rio Grande do Sul nos últimos dias. O jogador disse que esse é o momento de tentar ajudar o Estado e que acredita que não há necessidade de ter jogos na região.

"Só quem é do Sul sabe realmente o que tá acontecendo lá. Só a gente que tem amigo, que tem família lá, sabe tudo que está passando. Então eu vejo que nesse momento o melhor que a gente pode fazer é mandar forças, orar pelo pessoal de lá e a gente enviar tudo que é necessário: pix, alimento, água que está faltando", afirmou.

"Em relação ao futebol, nesse momento, eu, Andrey, não percebo a necessidade de ter jogos e de envolver as coisas lá, porque, para mim, o principal é, sem dúvida alguma, o ser humano", completou.

Por Yuri Costa

Nenhum comentário:

Postar um comentário