GIF Patrocinador

GIF Patrocinador

quinta-feira, 22 de abril de 2021

SANTA CRUZ - ÓTIMA NOTÍCIA

Filho mais novo do atacante Pipico, do Santa Cruz, recebe alta hospitalar

Gabriel já está em casa, junto aos pais e aos irmãos (Foto: Reprodução)



Bebê deu entrada num hospital particular do Recife para tratar bronquiolite aguda e teve que ser internado na UTI; Gabriel também testou positivo para Covid-19 enquanto estava lá


Mesmo após ter saído da UTI de onde estava internado, o filho caçula do atacante Pipico, do Santa Cruz, permaneceu internado tratando um quadro grave de bronquiolite e também sendo monitorado após ter testado positivo para a Covid-19. A alta aconteceu na manhã desta quinta-feira, e foi registrada em tom de comemoração pela esposa do jogador, Isabela Sepulveda, nas redes sociais.

Os últimos registros na conta pessoal dela, inclusive, já mostram a família reunida em casa, como estava sendo esperado há semanas.

Quando resolveu publicar o drama em que estavam vivendo, três dias atrás, Isabela contou que o marido só soube da situação grave do filho mais novo quando estava descansando após a partida contra o Cianorte, já na madrugada. E após uma ligação, decidiram procurar ajuda médica e receberam a confirmação de que o caso precisaria ser monitorado da UTI.

No mesmo dia, Isabela também aproveitou o espaço para desabafar e revelar que estava sendo importunada por alguns torcedores que questionavam o desempenho do atacante, e inclusive, enviaram xingamentos.

DP

NÁUTICO - DESPEDIDA DOS AFLITOS

Fora dos planos de Hélio dos Anjos, Salatiel assina com o Londrina e se despede do Náutico

Salatiel possui dois acessos a Série B e uma artilharia da C no cúrriculo (Foto: Tiago Caldas/CNC)



Atacante chegou no Timbu em 2019 para a disputa da Série B, mas não rendeu o esperado e acabou sendo emprestado para o Remo


Após negociações entre empresários do jogador, Náutico e o Londrina, o atacante Salatiel rescindiu o seu contrato com o Timbu na manhã desta quinta-feira (22) e reforça o Tubarão para a disputa do Campeonato Brasileiro da Série B. O jogador de 28 anos não tinha espaço no elenco comandado por Hélio dos Anjos e já não era relacionado para os jogos. 

"Construímos uma situação de que ele daqui a um mês e meio poderia assinar com qualquer outra instituição, e estávamos à procura, junto com os seus representantes, de algum lugar para que ele pudesse dar continuidade no seu futebol e conseguimos um clube de Série B”, comenta o executivo de futebol do Náutico, Ari Barros. 

Segundo a diretoria do Timbu, todas as dívidas relacionadas a Salatiel foram quitadas e o clube ficará com 25% dos direitos econômicos do jogador pelos próximos dois anos. No ano passado, o atacante foi emprestado para o Remo e foi uma peça fundamental para o acesso do clube paraense para a Série B. No total foram 25 partidas com a camisa do Náutico e dois gols. 

DP

SANTA CRUZ - DEIXANDO O ARRUDA

Pontuando "grande experiência e honra", zagueiro Célio Santos se despede do Santa

Jogador vinha sendo acompanhado pelo departamento médico coral por conta de uma contusão no joelho (Foto: Rafael Melo/Santa Cruz)



Anúncio da saída foi feito pelo próprio jogador em suas redes sociais


O zagueiro Célio Santos não faz mais parte do elenco do Santa Cruz. Sua saída do clube foi anunciada através de seu perfil pessoal do aplicativo Instagram no início desta manhã. Até então, o atleta não vinha sendo relacionado para os confrontos da equipe porque estava sob cuidados do departamento médico tricolor, devido uma contusão em um dos joelhos.

Na postagem de despedida, o zagueiro afirmou ter vivido uma grande experiência no Santa e que se sentiu honrado em ter usado o uniforme da Cobra Coral. “Hoje me despeço do maior do Nordeste! Grande experiência, e uma honra vestir essa camisa! Obrigado a todos!”, escreveu ao lado de uma foto sua atuando pelo Tricolor. 

 Instantes depois, foi a vez do clube se pronunciar. Através de uma nota, foi informado que a saída se deu após uma solicitação do próprio atleta, e que as tratativas aconteceram em comum acordo.

 Veja, na íntegra, posicionamento do Santa Cruz após saída de Célio Santos

 “O zagueiro Célio Santos não faz mais parte do elenco do Santa Cruz para a temporada 2021. Em comum acordo com o clube, a saída se dá após pedido do zagueiro de 33 anos. Experiente, com vivência internacional, Célio chegou ao Arruda em 2020 e acumulou 32 jogos vestindo a camisa coral, somando um gol marcado. O Santa Cruz agradece pelos serviços prestados e deseja sucesso em seus próximos passos no futebol."

Despedida do Tricolor foi postada por Célio no início desta quinta-feira (Foto: Reprodução)


DP

NÁUTICO - VISANDO A SÉRIE B

Lateral Bryan elogia trabalho de Hélio no Náutico e avalia elenco para disputa da Série B

"Buscando a Série B, eu acho que o elenco está muito bom, muito positivo" (Foto: Tiago Caldas/CNC)



Desde que treinador chegou, Timbu não perdeu nenhum jogo em casa


Com sete vitórias em sete partidas, o Náutico está embalado no Campeonato Pernambucano. Líder absoluto, garantiu a participação na Copa do Brasil de 2022 e segue em busca do título estadual. O lateral Bryan deu ao treinador Hélio dos Anjos os créditos para o bom desempenho da equipe, além dos compampanheiros, claro. Desde que o treinador chegou, o Timbu não perdeu nenhum jogo mandando em casa.

“Eu acho que o comprometimento da equipe tem sido fundamental. Depois da chegada do Hélio e da comissão técnica a gente evoluiu demais, a gente se fechou e esperamos continuar assim e com muita entrega dentro de campo, sempre em busca de um só objetivo que é vencer”, comentou Bryan.

Porém, o desafio maior do Timbu na temporada será a disputa da Série B do Campeonato Brasileiro. Em 2020, o Náutico correu um grave risco de rebaixamento, mas conseguiu conquistar a sua permanência com duas rodadas de antecedência. Neste ano, com o trabalho de Hélio já estabelecido, o torcedor alvirrubro sonha com um possível acesso à primeira divisão.  

“Buscando a Série B, eu acho que o elenco está muito bom, muito positivo, mas acho que temos que cada dia mais evoluir e melhorar, tanto individualmente quanto coletivamente. A gente sempre tem o que melhorar e reforçando com os treinos do professor temos tudo para evoluir até o Campeonato Brasileiro”, finalizou o jogador alvirrubro.

DP

SANTA CRUZ - REFORÇOS ATÉ O FIM DO MÊS

Técnico Alexandre Gallo espera a chegada de novos reforços no Santa Cruz até o fim do mês

Gallo destacou o trabalho da diretoria para reforçar o elenco (Foto: Rafael Melo/Santa Cruz)



Treinador indicou alguns nomes e tem atuado junto com o Comitê Gestor de Futebol do Santa Cruz na prospecção de jogadores no mercado


Depois de destacar a necessidade de evolução técnica no Santa Cruz, o técnico Alexandre Gallo espera a chegada dos primeiros reforços sob o seu comando até o final do mês. O treinador indicou alguns nomes e tem atuado junto com o Comitê Gestor de Futebol na prospecção de atletas no mercado. Até o momento, a diretoria tricolor já anunciou 15 contratações para a temporada e deve contratar mais quatro jogadores até o início da Série C. 

“Não é questão de quantidade. É questão de momento e de possibilidade. Mas a gente espera até o final do mês (a chegada de reforços). Temos conversado bastante com a diretoria, eles têm atuado bastante, tanto o Jaime (Cordeiro), quanto o Oberdan (Rabelo), e eu estou no aguardo de algumas possibilidades. É claro que para nos qualificar depende de reforços. E junto com a nossa diretoria estamos correndo atrás disso”, explicou Alexandre Gallo.

 A diretoria do Santa Cruz já tem negociado com os jogadores indicados por Alexandre Gallo. A maioria deles já trabalhou com o treinador no futebol paulista, pelo Botafogo-SP e São Caetano. Um deles é o meia Anderson Rosa, de 28 anos. O entrave no momento é a liberação da Ferroviária antes do Campeonato Paulista. Outras posições como a lateral direita e o ataque são os principais alvos do clube pernambucano no mercado.
 
Dos 15 jogadores contratados para a temporada, seis ainda não estrearam pelo Santa Cruz: os goleiros Filipe Silva e Geaze, o zagueiro Hebert, o lateral direito Fernando Pileggi, o volante Augusto César e o atacante Jean Quiñonez. Dos reforços anunciados, o goleiro uruguaio Martín Rodríguez já deixou o clube, depois de ter disputado apenas dois jogos. No mercado novamente, a diretoria tenta reforçar os setores considerados mais urgentes.

DP

SPORT - COMPROMISSO FIRMADO

Patric enaltece chegada de Louzer no Sport e se diz comprometido a 'servi-lo com excelência'

Patric soma até o momento quatro assistências na temporada (Foto: Anderson Stenvens/Sport)



Lateral direito é um dos lideres do elenco rubro-negro e usou a faixa de capitão na partida contra o Sete de Setembro


Uma semana depois de ter sido oficialmente anunciado, Umberto Louzer começou as preparações do Sport para o restante da temporada. Até o momento, o novo professor comandou apenas dois treinos no CT, mas o lateral Patric, líder em assistências no elenco, já demonstra ter uma boa impressão do treinador. 

“A gente já viu que ele tem uma carreira vitoriosa, é jovem e está conquistando coisas importantes no cenário brasileiro. Foi atleta também e tenho certeza que vai trazer toda a sua experiência e visão. Todos estamos comprometidos para honrá-lo e servi-lo com excelência”, comentou o lateral, em entrevista com a assessoria do clube.

Atualmente o Leão ocupa a segunda colocação do Campeonato Pernambucano, que garantiria uma vaga direta para as semifinais. O próximo compromisso será no sábado (24) contra o Retrô fora de casa. A Fênix, adversário do Sport, apesar de começar bem na competição e almejar uma vaga na Copa do Brasil, vem queda no rendimento com três derrotas seguidas. 

“Nosso objetivo é bem claro, classificar em segundo para ganhar uma semana a mais para trabalhar, além de ficar mais próximo da final e livre dessas quartas. É trabalhar com muita sabedoria, com muito respeito, mas estamos bem focados para esse jogo. (O Retrô) é um clube jovem, um clube novo que tem crescido no cenário e que está evoluindo e tem um CT bem bacana”, finalizou Patric.  

DP

NA CORDA BAMBA

Julgamento de impeachment de Wilson Witzel será em 30 de abril

Wilson Witzel está afastado do cargo de governador do Rio de Janeiro | Foto: Carlos Magno/Fotos Públicas


Governador afastado do Rio de Janeiro está longe dos holofotes desde agosto de 2020

O julgamento do pedido de impeachment do governador afastado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), está marcado para 30 de abril, informa o portal G1. A decisão é do desembargador Henrique Carlos de Andrade Figueira, presidente do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ), que também preside o Tribunal Especial Misto (TEM).

O TEM é formado por cinco desembargadores e cinco deputados, que definirão o futuro político de Witzel. O ex-chefe do Executivo estadual está afastado do mandato desde agosto de 2020, por determinação do Superior Tribunal de Justiça, em outro processo — que deu origem ao pedido de impeachment e corre paralelamente.

Edilson Salgueiro

LEI SANCIONADA

Bolsonaro sanciona alteração na Lei de Diretrizes Orçamentárias

Foto: Isac Nóbrega/Fotos Públicas | Foto: Isac Nóbrega/Fotos Públicas


Decisão foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União

O presidente da República, Jair Bolsonaro, sancionou nesta quarta-feira, 21, a alteração na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2021, informa o portal R7. O objetivo da alteração, de acordo com o governo federal, é viabilizar as medidas de enfrentamento da covid-19, bem como suas consequências econômicas, com foco na manutenção do emprego e auxílio às pequenas empresas.

A LDO define metas e prioridades do governo federal para o ano seguinte, orienta a elaboração da lei orçamentária anual e fixa limites para os orçamentos dos poderes Legislativo e Judiciário e do Ministério Público. A matéria foi aprovada pelo Congresso Nacional em 16 de dezembro de 2020. Agora, com a sanção da proposta, um novo horizonte surge para a aprovação do Orçamento de 2021.

Ao sancionar o projeto, Bolsonaro vetou apenas um dispositivo: o que permitia a assinatura de contratos e a realização de transferências e doações para municípios em situação de inadimplência com a União. O trecho foi vetado a pedido do Ministério da Economia, por entender que “a medida enfraqueceria o controle das contas públicas e a fiscalização do correto emprego dos valores transferidos pela União”.

Edilson Salgueiro

APARELHAMENTO TOTAL

‘A esquerda aparelhou o Estado brasileiro’, afirma Ricardo Salles

Ricardo Salles criticou as 'viúvas das verbas públicas' | Foto: Reprodução/YouTube


Ministro do Meio Ambiente concedeu entrevista ao programa Os Pingos nos Is, da rádio Jovem Pan, exibido nesta quarta-feira, 21

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, concedeu entrevista ao programa Os Pingos nos Is, da rádio Jovem Pan, exibido nesta quarta-feira, 21. Indagado sobre possível aparelhamento petista de órgãos vinculados ao governo federal, Salles não hesitou. “A esquerda aparelhou o Estado brasileiro”, afirmou. “Levará cem anos para desaparelhar as instituições”, acrescentou o ministro.

Questionado acerca de pressões políticas que intentam afastá-lo do Ministério do Meio Ambiente, Salles não titubeou: “Alguns [agentes] fazem isso para aparecer, porque querem virar manchete; outros agem dessa maneira porque estão mal informados”. Segundo o ministro, viúvas das verbas públicas não devem ser levadas em consideração. “Esse pessoal precisa lembrar que o governo ganhou as eleições”, provocou.


O ADVOGADO FLAVIO BOLSONARO

Flavio anuncia que atuará como advogado em Brasília


"Na foto, Flavio Bolsonaro aparece recebendo a carteira das mãos do presidente da entidade no Distrito Federal, Delio Lins e Silva. Em mensagem aos colegas advogados, Flávio Bolsonaro afirmou: 'Minha atuação em Brasília se inicia via sociedade individual de advocacia e estou apto a atuar em qualquer causa em que eu não possua impedimento", ressaltou Tales.


 por Magno Martins

BRONCA PESADA

Imóvel de Ciro Gomes irá a leilão em junho para indenizar Collor

Primeira rodada do leilão está fixada em R$ 404 mil Foto: Reprodução


Pedetista terá que pagar R$ 450 mil a ex-presidente por danos morais



O apartamento de Ciro Gomes (PDT) em Fortaleza irá a leilão no próximo dia 10 de junho para que o pedetista possa pagar a indenização de R$ 450 mil que deve ao ex-presidente Fernando Collor de Mello (Pros-AL).

O imóvel foi penhorado pela Justiça em setembro do ano passado após Ciro não quitar a dívida, que era, inicialmente, de R$ 400 mil.

A quantia diz respeito a uma condenação por danos morais, após Ciro dizer que Lula deveria ter chamado Collor de “playboy safado” e “cheirador de cocaína” durante o debate nas eleições de 1989.

O lance da primeira rodada do leilão está fixado em R$ 404 mil.


ORANDO PELO PRESIDENTE

Pastores se unem no Planalto e oram pelo presidente Bolsonaro





Damares Alves, Onyx Lorenzoni e André Mendonça também participaram do

Nesta terça-feira (20), um grupo de pastores se reuniu no Palácio do Planalto, em encontro com o presidente Jair Bolsonaro e integrantes do governo. Os líderes evangélicos participaram de um momento de intercessão pelo Brasil e pelo chefe do Executivo.

Entre os presentes estavam os bispos Fabio Souza da Igreja Fonte da Vida, e David Augusto bispo da Igreja Fonte da Vida, além dos pastores Silas Malafaia Filho, da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo; Arthur Pereira da Igreja do Amor; Leandro Barreto, da Poiema Church; Gui Rebustini, da Igreja Amor em Movimento; Pedro Paulo Rosa, da Igreja Missionária; Lipão, da Igreja Onda Dura; Nelson Júnior, do movimento Eu Escolhi Esperar; Eduardo Nunes, da Zion Church, entre outros líderes cristãos.

A reunião contou ainda com alguns integrantes do governo, como o chefe da Secretaria-Geral da Presidência, Onyx Lorenzoni, a ministra da Mulher, Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, e o advogado-geral da União do Brasil André Mendonça.

Pelas redes sociais, o pastor Arthur Pereira falou sobre a reunião e convidou os seguidores a continuarem orando e acreditando em um futuro melhor para o país.

– Ontem, participei de um momento de intercessão pelo Brasil ao lado de muitos homens de Deus. Que privilégio fazer parte desse dia em que o amor, a unidade e a esperança estiveram presentes! O desejo do meu coração é que possamos seguir juntos em propósito e oração pela nossa nação! Que possamos continuar com a nossa confiança no Senhor e no que Ele pode fazer por nós! O Brasil é do Senhor, Ele jamais perdeu o controle – escreveu.

O pastor Fred Arrais lembrou o papel de figuras bíblicas Daniel, Sadraque, Mesaque, Abdnego e José nos governos de seu tempo como intercessores e destacou que a “oração é a chave que transforma uma nação”.

– Apesar de toda crítica da mídia, situações, erros (afinal, não temos um robô na presidência) eu pude ouvir, conversar e orar por um presidente humano hoje. Porém, muito resistido, enfrentado e descredibilizado por uma mídia vendida, contra valores que a igreja defende e viciada politicamente em protestar contra os cristãos. Ao invés de entrar no jogo da mídia de polarização, eu acredito que devemos orar e profetizar sobre os que nos governam – disse.

Pastor Silas Malafaia Filho descreveu o momento como “histórico” em sua vida e profetizou um tempo de prosperidade e benção para o Brasil.

– Um dia histórico na minha vida. Oportunidade de estar com pastores jovens orando pelo presidente Jair Bolsonaro e a nossa nação (…). Creio num tempo de prosperidade e benção para nosso país. Nada podeis contra verdade se não pela verdade – citou uma das cartas do apóstolo Paulo aos coríntios.


MUDANÇA POSITIVA

Ações valorizam após ‘interferência’ e posse de Silva e Luna na Petrobras

Manchetes infladas por “analistas de mercado” facilitaram venda na alta e compra na baixa


A disparada no valor das ações da Petrobras após a posse e o discurso do general Silva e Luna como presidente, deixou claro que a histeria criada em torno da indicação, sob alegada “interferência” na estatal, serviu para o mercado lucrar, e muito.

A semana de manchetes negativas infladas por opiniões de “analistas de mercado” fez ações despencaram a R$21,19. Na terça chegaram a R$24,81, alta de 17% em pouco mais de um mês. 

Silva e Luna mandou bem ao prometer uma Petrobras mais forte, mas com “respeito ao meio ambiente, aos acionistas e à sociedade em geral”.

Reconhecido pela elogiada gestão em Itaipu Binacional, o general diz que vai atuar com transparência “baseada em dados e fatos”.

A expectativa é que a Petrobras respeite investidores, sem perder de vista que deve retribuição aos brasileiros pelos benefícios do monopólio.

A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

VEREADORES NA BERLINDA

Custo excessivo reabre debate sobre a utilidade e necessidade de vereadores

Grande número de cidades não arrecada o suficiente para bancar as câmaras municipais


O alto custo das câmaras municipais faz retomar a discussão sobre a utilidade do vereador, que passam quatro anos deliberando obviedades, até voltarem a atuar como cabos eleitorais.

Duro para os municípios é sustentá-los entre uma eleição e outra. Levantamento recente indicou que 31 municípios paulistas não arrecadam o bastante para bancar sua Câmara Municipal.

Borá, o menor deles, arrecada R$532 mil por ano e gasta R$720 mil com vereadores que aparecem duas vezes ao mês. 

Para a Federação das Indústrias do Rio e a Confederação Nacional dos Municípios, mais de 80% dos municípios não se sustentam.

Proposta recorrente é o fim do vereador em cidades abaixo de 2 milhões de habitantes, criando câmaras de grupos de municípios, como nos EUA.

Em 1.856 prefeituras (34,8%), as receitas geradas não pagam a Câmara Municipal e nem a estrutura administrativa da prefeitura.

Em 2016, segundo a Firjan, 81,7% (3.714) dos municípios brasileiros, não geraram nem 20% de suas receitas. O resto vem do governo federal.

A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

CORONAVÍRUS

Vacinação contra a Covid-19 em pessoas com doenças preexistentes será a partir de maio

Pessoas com comorbidades serão convocadas para a vacinação contra a Covid-19 no Brasil a partir de maio, segundo afirmou o Ministério da Saúde, nesta quarta-feira (21).

A ordem será dos mais velhos para os mais jovens. Os primeiros a serem chamados serão os da faixa etária entre 55 e 59 anos, depois de 50 a 54 anos, e assim por diante.

O grupo de comorbidades, que conta com 17,8 milhões de pessoas, inclui imunossuprimidos, quem possui problemas cardíacos e pulmonares, hipertensão, obesidade, doença renal crônica, diabetes e síndrome de down, entre outras.

Segundo o ministério, é importante que a pessoa esteja pré-cadastrada no Sipni (Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações) ou em alguma unidade de saúde do SUS.

Os não inscritos deverão apresentar, no momento da vacinação, um comprovante que demonstre pertencer ao grupo de risco (exames, receitas, relatório ou prescrição médica).

Apesar da previsão da pasta, a Folha mostrou que em algumas capitais a vacinação de quem possui doenças preexistentes já teve início e com regras variadas.

Em Salvador, foi iniciada na semana passada a vacinação de pacientes renais crônicos entre 18 e 59 anos e que dependem de hemodiálise.

Em Teresina, estão sendo vacinadas pessoas com deficiências, acima de 60 anos e com ao menos duas comorbidades, além de doentes renais crônicos.

Já em Macapá, no dia 12, foram vacinados transplantados (coração, rim, fígado e pulmão), doentes hematológicos e pacientes oncológicos; no dia 13, foi a vez de quem tem doenças respiratórias crônicas e cardiopatas.


SANTA CRUZ - TEM QUE EVOLUIR MUITO

Técnico Alexandre Gallo destaca necessidade de evolução física e técnica no Santa Cruz

Treinador destacou a necessidade de evolução física e técnica (Foto: Rafael Melo/Santa Cruz)



Treinador admitiu o nível abaixo de futebol apresentado contra o Salgueiro e destacou a necessidade de trabalho para conseguir evoluir


Depois do empate sem gols contra o Salgueiro dentro de casa e de mais uma apresentação ruim na temporada, o técnico Alexandre Gallo reconheceu o nível abaixo e destacou a necessidade de evolução. De acordo com o treinador, os jogadores do Santa Cruz ainda precisam melhorar tanto no aspecto técnico quanto na parte física.

“É uma situação bastante delicada. Estamos bastante confiantes com essa classificação, respeitamos todos os nossos adversários, mas precisamos de um nível de performance melhor. O nível ainda está abaixo do que a gente espera em função da situação física e também a questão técnica”, avaliou o técnico Alexandre Gallo, depois do empate.

 Prestes a completar uma semana de trabalho no clube, Alexandre Gallo tem encontrado dificuldades para poder preparar melhor o elenco. Sem tempo para treinar, o técnico tem dividido os jogadores de acordo com o nível físico. Essa situação, para o treinador, tem prejudicado esse início no comando do Santa Cruz.
 
“É uma situação muito ruim e é claro que a gente queria um tempo maior para poder equacionar essa questão física, porque atrapalha bastante a montagem. Quando pensamos em um atleta, muitas vezes ele só pode atuar 45 minutos, então é uma situação um pouco complicada, mas a gente sabia dessa dificuldade e vamos ter que trabalhar muito”, disse Gallo. 
 
Após o duelo contra o Salgueiro, o elenco do Santa Cruz recebe folga nesta quinta-feira e só se reapresenta na próxima sexta-feira. Dessa maneira, a comissão técnica vai ter apenas dois dias de preparação para o próximo jogo, que acontece no domingo, contra o Sete de Setembro, no Arruda.

DP

NÁUTICO - VAGA GARANTIDA

Mesmo sem jogar, Náutico garante liderança no Estadual e vaga na Copa do Brasil 2022

Timbu garantiu a liderança na primeira fase do Pernambucano (Foto: Tiago Caldas/Náutico)



Empate entre Santa Cruz e Salgueiro, garantiu ao Náutico a liderança antecipada no Campeonato Pernambucano e a vaga na Copa do Brasil


O empate em 0 a 0 entre Santa Cruz e Salgueiro, nesta quarta-feira, no Arruda, trouxe consequências positivas para o Náutico. Mesmo sem entrar em campo, o Timbu conquistou a liderança antecipada da primeira fase do Campeonato Pernambucano. Além disso, o empate também garantiu aos alvirrubros uma vaga na Copa do Brasil do próximo ano.

O Salgueiro era a única equipe que podia alcançar os 21 pontos do Náutico na classificação. Mas com o empate no Arruda, agora o Carcará só pode chegar a no máximo 19 pontos. Vale lembrar que nesta temporada o Timbu ficou de fora da Copa do Nordeste e da Copa do Brasil por conta justamente do desempenho do time no Campeonato Pernambucano do ano passado.

 Com a liderança garantida, o Náutico está classificado diretamente para as semifinais do Estadual, mesmo benefício do vice-colocado. Além disso, o Timbu vai decidir uma vaga na final jogando em casa. Caso chegue à decisão, também vai jogar nos Aflitos, por ter se classificado em primeiro lugar na primeira fase.
 
Agora, para conquistar uma vaga na Copa do Nordeste do próximo ano, o Náutico precisa ser campeão pernambucano ou torcer para o Sport levar o título. Esta segunda possibilidade pode acontecer pelo time alvirrubro ser o segundo de Pernambuco melhor colocado no ranking da CBF. Além do calendário cheio, a classificação para as duas copas traz alívio financeiro ao Timbu.

DP

quarta-feira, 21 de abril de 2021

CAMPEONATO PERNAMBUCANO

Em jogo fraco tecnicamente, Santa Cruz empata sem gols contra o Salgueiro, no Arruda

Santa Cruz teve dificuldades para criar oportunidades de gol (Foto: Rafael Melo/Santa Cruz)



No complemento da sétima rodada do Campeonato Pernambucano, Santa Cruz e Salgueiro apresentaram um futebol pouco propositivo


O zero no placar foi nota. Em um jogo fraco tecnicamente e sem criatividade, Santa Cruz e Salgueiro empataram em 0 a 0 na noite desta quarta-feira, no Arruda. No complemento da sétima rodada do Campeonato Pernambucano, as equipes apresentaram um futebol pouco propositivo e os goleiros praticamente não trabalharam. O time coral quebra a sequência de derrotas consecutivas na temporada, mas segue sem vencer sob o comando do técnico Alexandre Gallo. 

Com o resultado negativo dentro de casa, o Santa Cruz chega a nove pontos e continua na quinta posição. Com um ponto a mais, o Salgueiro é o terceiro colocado. Sem muito tempo para lamentar, a Cobra Coral já volta a campo neste domingo. Em mais um jogo no Arruda, os tricolores recebem o Sete de Setembro, que ainda não venceu no Campeonato Pernambucano e é o lanterna da competição com apenas dois pontos somados.

O JOGO

Escalado com apenas um volante e um esquema mais ofensivo, o Santa Cruz começou o jogo tentando comandar as ações. Mesmo com mais posse de bola e uma proposta de ataque, o time encontrava dificuldades para trabalhar no campo do adversário e criar oportunidades efetivas de gol. Por outro lado, focando mais na marcação, o Salgueiro conseguiu se defender bem na maior parte do primeiro tempo e por vezes tentava contra-atacar.

Em um desses lances, por pouco o Salgueiro não chegou ao gol. Aos 38 minutos, em contra-ataque rápido, o meia Tarcísio foi acionado pelo lado direito de ataque, caiu dentro da área após dividida com Maxwell, mas se levantou rápido e deu um bom passe para Bruno Sena. O volante do Carcará, no entanto, desperdiçou e finalizou por cima do gol de Jordan. Sem conseguir entrar na área, o Santa Cruz passou a apostar nas bolas paradas com Marcos Vinícius e Chiquinho.

Insatisfeito com o desempenho do time durante a primeira etapa, o técnico Alexandre Gallo tentou encontrar soluções promovendo modificações no Santa Cruz. Acionado depois do intervalo, o atacante Pipico deu mais mobilidade ao ataque, mas ainda assim foi pouco municiado e praticamente não teve oportunidades para finalizar. Em uma das poucas tentativas, o artilheiro tricolor cabeceou fraco nas mãos do goleiro César Tanaka.

No segundo tempo, mais uma vez a melhor chance foi do Salgueiro. Aos 34 minutos, a defesa do Santa Cruz sai jogando errado, a bola sobra para o meia Hériclis, que consegue se desvencilhar da marcação e do goleiro Jordan, mas finaliza fraco e o zagueiro Willian Alves salvou praticamente em cima da linha. Nos minutos finais da partida, mesmo sem organização, as equipes se jogaram ao ataque, mas não conseguiram alterar o placar.

FICHA DO JOGO
 
Santa Cruz 0
Jordan; Derley (Ítalo Melo), Willian Alves, Júnior Sergipano e Alan Cardoso; Elicarlos, Marcos Vinícius (Karl) e Chiquinho; Maxwell (Arian), Madson (Marcel) e Léo Gaúcho (Pipico). Técnico: Alexandre Gallo.
 
Salgueiro 0
César Tanaka; Dadinha, Ranieri, Elenilson e Alan Pires; Bruno Sena, Felipe Baiano, Tarcísio (Alison Araçoiaba) e Aruá (Raimundinho); Juan Kelsen (Hériclis) e Adriano Napão (Cássio Ortega). Técnico: Daniel Neri.
 
Local: estádio do Arruda, Recife (PE)
Árbitro: Tiago Nascimento dos Santos
Assistentes: Ricardo Bezerra Chianca e Michel Ferreira do Nascimento
Cartões amarelos: Maxwell, Elicarlos (Santa Cruz); Tarcísio, Dadinha, Elenilson (Salgueiro)

DP

BILHÕES DESVIADOS NOS ESTADOS E MUNICÍPIOS

Em 1 ano, PF investiga onde foram parar mais de R$ 2 bi supostamente desviados das verbas do covid


Após cerca de um ano desde o início da pandemia de covid-19, a Polícia Federal já realizou 76 operações no Brasil investigando contratos suspeitos de desvios em estados e municípios para enfrentar a doença, que totalizam R$ 2.172.642.108. A informação é de um levantamento da própria PF, com dados das ações realizadas de abril de 2020 até o dia 26 de março de 2021.

No total, as investigações levaram a 1.160 mandados de busca e apreensão, 12 prisões preventivas, 135 prisões temporárias contra os suspeitos.

As ações policiais, contudo, podem ser deflagradas em um estado, mas se estendem a outras cidades que não pertencem à unidade, o que pode colocar vários municípios, de outras regiões, em uma mesma operação.

A partir da semana que vem, além da atuação do governo federal no combate à pandemia, a CPI da Covid no Senado também vai investigar a destinação de verbas federais a estados e municípios na área da saúde.

Entre os estados que mais registraram as operações, estão o Rio de Janeiro (6), Amapá (5), Pernambuco (5), Maranhão (5) e São Paulo (5). Destes, o que têm mais valores sob investigação é o Rio de Janeiro: R$ 850.200.000. Não registraram ocorrências os estados do Rio Grande do Norte e do Mato Grosso, além do Distrito Federal.

Além de estados, as operações da PF investigaram diversas compras de municípios. A primeira destas foi a que deu início à série de investigações, deflagrada em abril de 2020, época em que o Brasil ainda não passava de 500 mortes diárias pela covid-19.

Naquele mês, a operação Alquimia realizou mandados de busca e apreensão envolvendo a prefeitura de Aroeiras, no interior da Paraíba, depois de uma investigação nacional que envolveu 12 estados.

Poucos dias depois, foi a vez do estado do Amapá entrar na investigações, após suspeita de superfaturamento na aquisição de insumos pela Secretaria de Saúde para prevenção e combate à pandemia.

As operações dos meses seguintes também envolveram dinheiro encontrado na cueca de um senador, a maior cidade do país, hospitais de campanha e o estado de Amazonas, que seria o primeiro a colapsar após explosão de casos e mortes por covid-19.

A última no período levantado, deflagrada no final de março, foi a que envolveu o escândalo de suposta vacinação de empresários com as doses da Pfizer em Belo Horizonte (MG). Por enquanto, a corporação investiga se a falsa enfermeira que participou do caso realmente aplicou vacinas reais contra a covid-19 nos envolvidos e não doses de soro fisiológico.

Fonte: R7

INVEJA E REVOLTA DE LULA

Revoltado, Lula reclama: “Eu nunca fui chamado de mito na minha vida. A primeira pessoa que eu vi foi Bolsonaro”

O ex-presidiário Luiz Inácio Lula da Silva, do Partido dos Trabalhadores, voltou a fazer duras críticas em direção ao atual mandatário brasileiro, Jair Bolsonaro.

Em uma entrevista concedida à O POVO CBN, na última quinta-feira (15), ele criticou comparações entre a gestão Bolsonaro, que é chamado de “mito pelos seus apoiadores. Para ele, “Mito é coisa de fascista”.

“Mito é coisa de fascista, miliciano, autoritário. Nunca fui chamado de mito. A primeira pessoa chamada de mito na minha vida foi Bolsonaro”, disse ele.

“Somente pessoas com baixo conhecimento, com má-fé, vão comparar Lula com Bolsonaro”, afirmou. Ademais, ele também criticou a condução do governo federal no decorrer da pandemia. “Vocês acham que tenho prazer de chamar o Bolsonaro de genocida? Infelizmente esse cidadão fez tudo diferente do que a ciência brasileira orientou a fazer”, disse.

 Folha da República